Home / Sem categoria / Casos de diarreia causada possivelmente por moscas aumentaram na região de Crateús

Casos de diarreia causada possivelmente por moscas aumentaram na região de Crateús

O período úmido e chuvoso que a região dos Sertões de Crateús passa atualmente tem sido favorável para o aumento dos casos da virose da mosca.  Com a chegada das últimas chuvas, as moscas ressurgem e, com elas, as doenças sazonais – surto de diarreia, vômito, febre, dor de cabeça, dores musculares, cientificamente chamada de gastroenterite viral – que tem acometido um número crescente de pessoas. É só ir no hospital e UPA 24 Horas de Crateús e constatar que a maioria dos atendimentos a pacientes são sobre esses sintomas, principalmente a diarreia. Há a possibilidade de que casos como esses tenham aumentado em cerca de 20% no decorrer do último mês de dezembro, e não atingiu apenas humanos, pois animais também apresentaram sintomas, e um dos possíveis motivos são moscas que posam e defecam em seus alimentos. Alguns médicos afirmam que não há comprovação científica da ligação do surto de diarreia com a mosca, mas elas servem de alerta, pois costumam aparecer em locais com algum tipo de contaminação, especialmente de água e alimentos

Na maioria dos casos de “virose da mosca”, a internação não é necessária. O tratamento é feito com ingestão de líquidos. No entanto, se houver várias evacuações por dia, acompanhadas por vômito, é preciso reidratação venosa, a ser feita em uma unidade de atendimento médico. as infecções gastrointestinais podem ser transmitidas por meio de água contaminada, alimentos manipulados por pessoas infectadas ou contato direto com o material fecal de uma pessoa doente. Elas podem ter origem bacteriana e viral. As infecções gastrointestinais podem ser transmitidas por meio de água contaminada, alimentos manipulados por pessoas infectadas ou contato direto com o material fecal de uma pessoa doente. Elas podem ter origem bacteriana e viral.

Comentários
error: USE OS BOTÕES DE COMPARTILHAMENTO