Home / Sem categoria / MPCE impugna lei que aumentou subsídios dos vereadores de Quiterianópolis

MPCE impugna lei que aumentou subsídios dos vereadores de Quiterianópolis

Dr. Maxwell de França Barros, promotor de justiça da Comarca de Quiterianópolis. Reprodução

O Ministéiro Público do Ceará – MPCE, impugna na justiça, a lei que aumentou os subsídios dos vereadores de Quiterianópolis par a legislatura 2017 – 2020.

Para o promotor de justiça, titular da comarca de Quiterianópolis, Dr. Maxwell de França Barros, o aumento é inconstitucional e ilegal porque, dentre outras coisas, foi feito fora do prazo que determina a lei complementar número 101/2000 a chamada responsabilidade fiscal, no seu artigo 21, parágrafo único.

Outro argumento contra a lei, é que segundo ela, os subsídios dos vereadores teriam um aumento de 25%, ou seja, passariam de R$ 6,000 para R$ 7,500, considerado inadmissível para o MPCE, principalmente por ter sido feito em momento de crise política e financeira que a nação enfrenta.

O promotor ressalva que quem lida com o dinheiro público deve observar no mínimo os prazos legais.

Nathan Loyola – www.sertoesdecrateus.com.br

Comentários
error: USE OS BOTÕES DE COMPARTILHAMENTO