Home / Entretenimento / El Ministério Del Tiempo: morte de Júlian e o desastre da 3ª temporada

El Ministério Del Tiempo: morte de Júlian e o desastre da 3ª temporada

Foto: RTVES

Atenção: contém spoilers

 A El Ministério del Tiempo, que encontra-se disponível na Netflix, apresenta uma história cativante com a ideia de um ministério que é segredo do governo espanhol, onde nele há portas que remetem a diversas épocas do passado.

O ministério é responsável por manter a história sem interferências de outros viajantes do tempo clandestinos.

Dentre vários agentes recrutados para lutarem a favor do ministério, os três protagonistas Amelia Folch, Júlian Martinez e Alonso de Entrerríos, foram escolhidos a dedo pelo ministério para manterem em ordem a história, viajando para várias épocas diferentes e lidando até com vários personagens históricos.

No trio, o viúvo Júlian sofria o pesadelo de ter perdido sua esposa vítima de atropelamento. Dado como morto por enforcamento após se rebelar contra o governo, após ser recrutado Alonso sofria com a ideia de migrar para 200 após sua época, longe de sua esposa. Amelia e Júlian sentem-se levemente ligados emocionalmente, após, mesmo indo contra as regras, tentarem descobrir os próprios futuros, sendo que Amelia descobre fotografias suas como sendo um casal, inclusive com uma filha. Ao que tudo indica, eles casariam na época de Amélia.

Para mim, a série espanhola teve tudo para se consagrar uma das minhas preferidas, conseguiu até o final da segunda temporada, sendo impossibilitada após a terceira temporada não continuar com a atuação de Rodolfo Sancho, que interpretava o enfermeiro Julian.

De acordo com a produção da série, não foi possível chegar a um acordo com a produção e o ator, que fazia um dos importantes personagens da série que encontra-se disponível na Netflix.

Como fan, esperei ansiosamente um desfecho romântico entre Júlian e Amélia, após pistas dadas na série entorno do casal.

A terceira temporada iniciou grosseiramente com a jamais esperada morte de Júlian, onde nem mesmo o rosto dele apareceu. Só a partir daí e após verificar os próximos episódios, percebi que algo estava errado. Fiquei me perguntando como pode, um dos mais importantes personagens sumir tão bruscamente! Não afirmo isso por ser fan do ator, mas pela expectativa causada pela série em torno dos dois.

Também não concordei com o fato de Amelia ter dormido com o policial da década de 70, Pacino, que atuou como substituto temporário de Julian em alguns episódios da segunda temporada, por após problemas pessoais e com o ministério, Júlian ter sido enviado para missão na guerra de Cuba, com propósito de salvar vidas. Já a atuação de Alonso, dispensa comentários.

E você, o que achou da série? Concorda comigo? Deixe sua opinião nos comentários.

Email: nathanreporter@outlook.com

Facebook Comments
error: Use o link do post para compartilhar!