Home / Destaques / Itália vence o Brasil em jogo de seleções de masters e “vinga” final de 94
Zola marca no fim do jogo e Itália vence o Brasil no PV (Thiago Gadelha/Sistema Verdes Mares)

Itália vence o Brasil em jogo de seleções de masters e “vinga” final de 94

Em homenagem aos 25 anos da histórica final da Copa do Mundo de 1994 entre Brasil e Itália, realizada nos Estados Unidos, o estádio Presidente Vargas recebeu os craques daquele jogo e alguns atletas convidados para um amistoso master entre brasileiros e italianos, na noite desta quinta-feira (9).

Torcedores cearenses esgotaram os ingressos para acompanhar a partida amistosa entre Brasil e Itália no estádio do bairro Benfica e viram de perto as lendas da grande decisão de 94, vencida pelo Brasil que se sagrou tetracampeão Mundial.

O jogo

A primeira etapa foi marcada por muita qualidade. Mesmo com idade avançada e com a maioria fora da melhor condição física, os jogadores de Brasil e Itália mostraram que quem sabe jogar não esquece.

Com as melhores chances, a seleção Canarinho assustou logo no início com uma bola na trave de Mazinho. Paulo Sérgio em seu melhor estilo arriscando de fora da área assustou o goleiro Rossi. Ao fim do primeiro tempo, com o relógio batendo os 37, Romário até balançou as redes após um belo passe do ídolo flamenguista Zinho, mas foi pegue em posição de impedimento e viu seu gol ser anulado.

O segundo tempo foi menos movimento pelo cansaço dos craques e abriu espaço para muitas mudanças. Ídolos como Baresi, Ricardo Rocha, Careca, Apolloni e outros foram vistos de perto pelo torcedor cearense, que aproveitou cada momento.

Viola chegou a marcar para o Brasil aos 24 minutos após cruzamento de Jorginho, mas o gol foi anulado por marcação de impedimento, assim como aconteceu com Romário na primeira etapa.

Quando parecia que a partida terminaria empatada sem gols como aconteceu há 25 anos atrás, Zola balançou as redes. Aos 34 minutos, a bola foi cruzada na área brasileira na direção de Berti, que não alcançou a bola. Zola ficou com a sobra e empurrou para marcar o gol da vitória italiana.

Com o resultado, a seleção do Velho Continente venceu pelo placar de 1 a 0 e “vingou” a final da Copa do Mundo de 1994, quando foi derrotada pr 3 a 2 nos pênaltis e viu o Brasil conquistar, na época, o tetracampeonado Mundial.

Ao fim do duelo, não houve tristeza por parte da torcida. Ao contrário, os 18.726 presentes no estádio Presidente Vargas aplaudiram os craques brasileiros e italianos.

Diário do Nordeste

Comentários
error: USE OS BOTÕES DE COMPARTILHAMENTO