Home / Destaques / Número de casos de coronavírus chega a 185 no Ceará, segundo Secretaria da Saúde
População usa máscaras em prevenção ao coronavírus (Fabiane de Paula/Sistema Verdes Mares)

Número de casos de coronavírus chega a 185 no Ceará, segundo Secretaria da Saúde

O número de casos de coronavírus (Covid-19) no Ceará teve um novo aumento nesta terça-feira (24), passando de 164 para 185, segundo o mais recente informe epidemiológico divulgado pela Secretaria Estadual da Saúde (Sesa) nesta tarde. O aumento é de 12,8% em relação ao levantamento de segunda-feira (23).

A capital cearense continua no topo da lista de municípios com contaminações confirmadas. Segundo a Sesa, são 170 casos em Fortaleza, 6 em Aquiraz, 4 em Sobral, 1 em Juazeiro do Norte, 1 em Fortim e 1 em Mauriti. Há, ainda, dois casos detectados no Ceará de pessoas residentes em São Paulo (1) e em Uberlândia (1), Minas Gerais.

O informe epidemiológico não informa mais a quantidade de casos suspeitos e descartados. O Estado registrou os três primeiros casos da doença em 15 de março último.

Estratégias

O Governo Estadual passou a adotar medidas contra a proliferação do novo coronavírus no Ceará no último dia 16 de março, quando foi decretado estado de emergência na saúde pública, e as aulas foram suspensas em escolas e universidades públicas por 15 dias. Além disso, ficaram proibidos eventos com mais de 100 pessoas.

Logo depois, o Executivo anunciou a compra de 5 mil kits para diagnosticar os casos de Covid-19 no Estado, elevando esa aquisição apra mais de 10 mil dias depois. Na data, o governador Camilo Santana também anunciou a destinação de 200 leitos para enfermaria e 30 leitos de unidade de terapia intensiva (UTI) para atender aos pacientes suspeitos e eventualmente confirmados com a doença.

Esses números subiram já no dia seguinte, quarta-feira (18), quando foi anunciada a compra de 600 UTIs e equipamentos de proteção para os profissionais da saúde. Além disso, o governador pediu o isolamento social, uma das medidas mais enérgicas até então.

“Meu apelo é que todos permaneçam em casa nos próximos quatro dias”, disse o governador Camilo Santana, em live em suas redes sociais.

À época, 11 casos estavam confirmados no Ceará.

Diário do Nordeste

Comentários
error: USE OS BOTÕES DE COMPARTILHAMENTO