Home / Destaques / Governador do Ceará tenta unir partidos para enfrentar candidato de Bolsonaro à Prefeitura de Fortaleza

Governador do Ceará tenta unir partidos para enfrentar candidato de Bolsonaro à Prefeitura de Fortaleza

O Governador do Ceará tenta unir PT, PDT, PSDB e MDB para enfrentar candidato de Bolsonaro à Prefeitura de Fortaleza, que ao que tudo indica, deve ser Capitão Wagner (PROS). A deputada federal Luizianne Lins (PT), resiste a aliança com Ciro e seu irmão, o senador Cid Gomes (PDT). Já Tasso Jereissati tem mostrado estar em sintonia e afinado com a aliança. No entanto, o ex-senador Eunício Oliveira diz que pretende ser candidato à prefeitura de Fortaleza.

Nesta semana, o ex-ministro Ciro Gomes (PDT) disse que a tendência em Fortaleza era buscar aliança com as siglas que sustentam os governos de Camilo e do Prefeito Roberto Cláudio (PDT). A dificuldade, citou Ciro, seria a oposição do ex-presidente Lula e aproveitou para alfinetar alguns petistas. Ciro voltou a disparar ataques contra o PT: Ninguém me respeita no lulopetismo fanático. Eu quero que eles vão à puta que os pariu”, disparou Ciro.

As informações são da Revista Ceará

Comentários
error: USE OS BOTÕES DE COMPARTILHAMENTO