Home / Ceará / Camilo anuncia que aulas presenciais devem voltar apenas em setembro, se cenário for favorável

Camilo anuncia que aulas presenciais devem voltar apenas em setembro, se cenário for favorável

Ficou decidido que Fortaleza segue na Fase 4 da retomada econômica, mas cinemas e bares ainda não têm permissão de funcionamento.

O governador Camilo Santana (PT) informou que escolas e universidades não deverão voltar com aulas presenciais neste mês de agosto. A previsão é que as aulas retornem em setembro, se o cenário da pandemia de Covid-19 for favorável. Anúncio foi realizado em transmissão ao vivo com o prefeito Roberto Cláudio (PDT), após reuniões de avaliação de estudos e cenários.

Será definido, ao longo das próximas semanas, fases, formato e protocolos a serem seguidos no retorno das aulas presenciais. Conforme o governador, o Estado vai agir “com muita prudência e responsabilidade” para evitar novo aumento de casos confirmados de Covid-19 e mortes pela doença. Eventos que geram aglomerações continuam sem previsão de retorno. “Há sempre uma preocupação nossa de precaução em relação a essa pandemia. Todo o mês de agosto faremos reuniões para definir protocolos e monitoramento”, diz Camilo.

O prefeito Roberto Cláudio destaca que “a pandemia não acabou” e que, “até que haja a disponibilidade comercial em larga escala da vacina mundo inteiro, ou a imunidade da população ser alta o suficiente, vamos precisar convivendo com o risco do vírus”. Ainda de acordo com ele, é essencial prezar pela responsabilidade para evitar o retorno da pandemia. 

“É uma preocupação nossa. Com o papel das escolas, professores, faculdades, gestores, entendemos a importância (do retorno das aulas), mas as reuniões do comitê levantaram preocupações”, continua Roberto Cláudio. “Estamos preocupados com a preparação das instituições, protocolos bem discutidos e padronizados. E outra questão é ter a capacidade de monitorar para o caso de alguma criança e trabalhador eventualmente tiver sintomas de Covid-19”.

Segundo boletim divulgado pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesa), às 9h15min deste sábado, o Ceará chegou a 175.928 pessoas infectadas pela doença. São ainda 7.698 mortes confirmadas. O relatório informa ainda 145.603 pessoas recuperadas da doença e 74.161 casos em investigação. Foram realizados 468.221 exames.

Macrorregiões

Ficou decidido que Fortaleza segue na Fase 4 da retomada econômica, mas cinemas e bares ainda não têm permissão de funcionamento. Os municípios da macrorregião de Fortaleza entram na Fase 4, enquanto as macrorregiões do Sertão Central e Litoral Leste/Jaguaribe continuam na Fase 2. A macrorregião Norte do Estado também entra na segunda fase. O Cariri, por outro lado, só entra agora na Fase 1 da retomada econômica.

O Povo

Comentários
error: USE OS BOTÕES DE COMPARTILHAMENTO